domingo, 8 de julho de 2007

Noite e Dia

Na noite densa, trevosa
Cinzeiros repletos,
Denunciam o abuso da nicotina
Garrafas alcoólicas vazias na mesa,
É a prova de sonhos revelados,
Mergulhados em álcool,
Mais precisamente frustrados
Nas noites dos vícios, das drogas;
Lícitas e ilícitas,
De uma vida embriagada
Por falta de oportunidade
No mundo de hoje,
Mais vale interesses financeiros
De filhos entregues as drogas,
Fuga da vida dos problemas ao desemprego,
A custa de lágrimas de pais e mães,
Em meio ao desespero
Das trevas, a loucura e quase demência...
Porém se quiser com receitas de sucesso
Seguros tratamentos com remédios,
E aliado a isso O Evangelho de Jesus,
Nosso Maior Médico.

Nenhum comentário: