quarta-feira, 3 de setembro de 2008

Sou eu

Sou enfermeiro,
Sou poeta,
Sou solteiro,
Faço letra,
Romancista,
Rock n´Roll na veia;

Sou espírita,
Do Brasil, sou brasileiro,
De São Paulo, sou paulista,
Vai meu Corinthians, maloqueiro;

Sou eu de poucos sonhos,
Sou eu que vivo,
Tentando ser bom,
De poucos sorrisos
“Só eu sei o que sinto”,
Mas não só eu que sofro,
Todos nós evoluímos,
No bojo do infinito.